O que fazer em Atenas?

Com uma paisagem de clima mediterrânico junto a monumentos milenares, Atenas é uma dessas cidades que merece ser visitada pelo menos uma vez na vida.

Passamos três dias na capital grega e simplesmente adoramos. Achamos o período adequado, mas com certeza dava para ficar mais um pouquinho e conhecer mais lugares.

Ficamos hospedados no bairro de Plaka, que é bem central e cheio de restaurantes, lojinhas e bares. A partir de lá, também é possível chegar a pé na maioria das atrações.

Com a quantidade de dias e a localização do hotel/hostel/AirBnB definidas, vamos ao que interessa: o que conhecer em Atenas?

O passeio número 1, implacável e que deixa qualquer um de queixo caído, sobretudo aqueles que adoram história, é a Acrópole.

Vale visitar Atenas só por causa da Acrópole ;)

Em uma colina rochosa e a 150 metros acima do nível do mar Egeu, a Acrópole foi construída, originalmente, como proteção contra invasores. Com o tempo, passou a servir também como sede administrativa da civilização grega.

A Acrópole pode ser vista de vários pontos da cidade

Dedicada à Deusa Atena, padroeira da cidade na época, a Acrópole conta hoje em dia com várias ruínas e o Partenon, que era o principal templo de Atenas.

Teatro grego

Uma combinação perfeita à visita da Acrópole é o Museu da Acrópole. Inaugurado em 2007, o espaço possui três andares com várias peças originais da Acrópole. O último andar conta ainda com uma estrutura que mostra exatamente como era o lugar, além de transmitir um vídeo que completa o tour pelo museu. Parada obrigatória!

A ágora era um local público de fundamental importância na constituição do espaço urbano da Atenas clássica. Era nela que se discutia política, democracia e filosofia. Atualmente, encontra-se em ruínas e é considerada uma das principais atrações da cidade. O templo de Hefestos, que fica dentro da ágora, é uma das construções mais bem conservadas da época.

A biblioteca de Adriano, construída entre 132 e 134 a.C., foi doada pelo próprio imperador romano. Na época, possuía estrutura retangular e uma única entrada, com quatro colunas de mármore, e hoje é um lugar bem preservado da civilização grega.

Outro ponto importante é o Arco de Adriano, construído pelos gregos para celebrar a chegada do imperador romano em Atenas.

Para conhecermos todos esses lugares (exceto o museu, que nos custou mais 5 euros por pessoa), compramos um ticket combinado de 30 euros, válido por 5 dias. O preço é um pouco salgado, sobretudo porque descobrimos que há poucos meses esse valor era menos que a metade, mas com certeza deve ser comprado por quem visita a cidade.

Visitamos ainda o estádio dos primeiros jogos olímpicos modernos, inaugurado em 1896. Desta vez, ficamos contentes em ver o espaço do lado de fora mesmo (dá para ver super bem!) e economizamos alguns euros. Apenas como curiosidade: os primeiros jogos tiveram 241 atletas masculinos de 14 países (as mulheres ainda não podiam participar).

Estádio visto do lado de fora

A troca de guarda no parlamento também merece uma atenção dos turistas. Realizada de hora em hora, os guardas - que usam roupas decoradas, mesmo em pleno verão europeu - realizam uma coreografia. É divertido!

A troca de guarda acontece de hora em hora na frente do parlamento

Fizemos todos esses passeios a pé a partir do bairro de Plaka e, depois de três dias intensos, partimos rumo às ilhas Cíclades para curtir um belo sol, praias e água fresca.

#Europa #Grécia #Atenas #Acrópole

© 2015 - 1 Mundo, 1 Lua de Mel <3

  • b-facebook
  • Instagram Black Round